Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Saída da Caixa

"Assim como a flor de lótus, todos temos a habilidade de crescer a partir da lama, florescer na escuridão e irradiar a nossa beleza ao mundo"

"Assim como a flor de lótus, todos temos a habilidade de crescer a partir da lama, florescer na escuridão e irradiar a nossa beleza ao mundo"

29
Dez21

Retrospectiva 2021

publicado por Tânia Teixeira

Mais um ano quase quase a chegar ao fim, e hoje sinto em mim uma necessidade de olhar para estes meses volvidos, e valorizar cada passo dado. Se foi um ano fácil? Não, não foi, mas não o foi certamente para muita gente. E está tudo bem, são anos desafiantes que nos mostram outros caminhos, outras metas, outros atalhos, enfim outras opções. 

Para mim foi um ano desafiante em várias vertentes, mas foi também um ano de aprendizagem. Foi um  ano em que conheci novas pessoas, novas partilhas, mas onde houve muito tempo só, muito tempo para pensar e para párar de pensar. Tempo em que os medos surgiram e me travaram, tempos em que tive de os enfrentar e arriscar, em que tive de me por em causa enquanto mãe, enquanto esposa, enquanto filha, enquanto pessoa...e mesmo assim está tudo bem, faz parte do processo e do nosso crescimento, e ainda bem que assim o é.

Hoje olhando mais a fundo lá para trás, quero acima de tudo agradecer, agradecer por todas as pessoas que 2021 trouxe até mim, agradecer ainda por todas aquelas que se mantiveram e mantêm junto a mim, e agradecer aquelas que 2022 me trará.

Que se fechem os ciclos necessários para o nosso crescimento, e que surjam novos ciclos, repletos de força e coragem para enfrentar o novo ano que se avizinha, e que vai ser memorável.

Sei que é muito fácil perdermo-nos no vazio de alguns dias, mas é uma passagem necessária para que melhores coisas surjam. Sei ainda que a dor da solidão, pode ser lancinante, mas também sei que só na solidão nos encontramos profundamente connosco, e sabes, esse encontro pode fazer magia. Tantas curas se fazem em tempos de recolhimento...eu fiz algumas, e não precisam de ser grandiosas em tamanho, mas sim em significado, em apaziguamento.

Convido-te a ti também fazeres esta reflexão de fim de ano. Eu sei que por vezes achamos que temos de ter feito grandes obras, ter grandes resultados, e claro, isto é tudo muito subjetivo, mas temos de ser bondosos e perceber, que cada passo importa neste nosso caminho diário, e nestes dias todos que passaram, de certeza que destes muitos passos tão mas tão importantes, repara bem nisso e congratula-te, eu também o farei. 

Merecemos festejar cada passo, mesmo que nos pareça só um passinho, e esse é também um grande desafio para mim, por isso cá estarei de braços e coração aberto para que 2022 me traga tudo aquilo que preciso para dar mais uns quantos passos. Porque dias a preto e branco vão sempre existir, o que importa é a forma como os anos nos vão ajudando a colorir esses dias, e isso depende apenas de cada um de nós.

O importante é que mesmo em dias cinzentos nunca nos falte a vontade de sorrir.

 Voa, voa alto, mas antes não esperes que te ajudem a sair do casulo, porque "se não se esforçar para sair do casulo que te aprisiona, nunca será uma borboleta livre para voar"( Damião Maximino).

Desejo que tenhas um 2022 cheio de fé e esperança em TI  e nas TUAS capacidades.

363_1418.jpg

 

 

 

03
Nov21

Coragem

publicado por Tânia Teixeira

Sou revestida de camadas.

Camadas que escondem o meu verdadeiro EU.

A sociedade nem sempre é compassiva, e há em mim uma falta de coragem para me revelar.

Mas...quando percebo o vazio que se apodera, eis que surge uma vontade de renascer, uma vontade de me afirmar. De afirmar aquilo que sou no mais puro estado de ser.

Nasce em mim uma coragem de dar a mão ao imperfeito, e com ele percorrer os caminhos da vida, sem medo da dor, da rejeição, da solidão.

As camadas que escondem os meus medos, vão-se dissolvendo, permitindo trazer à luz todos os cantinhos de insegurança.

Não se nasce corajoso, a coragem conquista-se, busca-se, trabalha-se. 

A coragem nasce da vontade de, mesmo no vazio, ver um motivo para avançar com fé, esperança e confiança. Confiança de que o vento não sopra sempre na mesma direção, e por isso haverá alturas em que o vento soprará a nosso favor, dando uma ajudinha para encontrar um caminho, ou os caminhos necessários para por fim encontrar o nosso propósito.

A coragem transmuta em nós os medos, ajuda-nos a avançar perante os "adamastores" da vida. Força-nos avançar mesmo perante a inércia escondida pela dor. 

De mãos dadas à coragem somos capazes de tudo, só temos de acreditar que mesmo que ela não pareça estar presente, podemos invocá-la em qualquer altura, mesmo quando o desassossego impera....respira fundo e avança, que a coragem aparece, acredita...

135_0591.jpg

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Favoritos

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub